ORDENAÇÃO DIACONAL DO VITOR RAMOS

Sem categoria

O segundo Domingo do mês de Julho é sempre um dia de Festa para a Diocese. É nesse dia que acontecem as Ordenações, isto é, em que Deus escolhe, e a Igreja reconhece e celebra essa escolha, novos Padres e novos Diáconos.
Este ano serão Ordenados 7 (4 Diocesanos, 2 Dehonianos e 1 Beneditino) novos Padres e 3 Diáconos (Diocesanos). É uma graça que Deus nos dá. Não é por serem muitos. Até porque não são muitos para as necessidades da Igreja. Mas, eles mesmos são uma graça que Deus nos dá. É Deus quem no-los dá! A par-tir da Ordenação estarão ao serviço da Igreja onde for preciso e o Bispo mandar. Não acham que devíamos ficar com o coração agradecido por Deus nos dar o que não merecemos e, arrisco a dizer, que nem o pedi-mos? Pedimos muitas coisas, mas padres não é assunto que faça parte das nossas preces…
A Paróquia de São Pedro da Cova estará ainda mais em Festa porque o Vítor Ramos, que tem estado a estagiar connosco, é um dos Diáconos que vai ser Ordenado. Damos graças a Deus e pomo-nos em oração por ele e com ele. O Diaconado faz parte do Sacramento da Ordem: é o primeiro grau, a primeira consa-gração. Por isso é já muito importante. A partir do seu coração Diaconal será convidado a crescer no Sa-cerdócio, a conformar-se cada vez mais com Cristo Bom Pastor e a reconhecer as alegrias a que Deus o chama como servidor do Evangelho.
Ficamos muito felizes por fazer parte do seu caminho. Não sei se todos já perceberam que ele não é mais um para trabalhar… é alguém que no seu caminho de formação sacerdotal, Deus nos vai dando para nos dar maiores graças do Seu Amor. Às vezes suponho que temos uma visão muito curta destas realidades tão grandes e destes dons tão necessários que Deus nos dá. E vem colocar mais um problema: será que não há entre os nossos jovens quem se ponha a questão da vocação sacerdotal? Será que temos coragem de falar disto aos nossos adoles-centes e jovens? Será que achamos a vida sacerdotal útil ao mundo e à Igreja?
Infelizmente, funcionalizamos muito os padres e isso faz-nos perder muito da beleza do mistério de Deus que se dá no concreto de alguém…

Sem comentários

Deixe uma resposta

Allowed tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>